1 de agosto de 2010

FÓRMULA 1 2010 - GP DA HUNGRIA - 02

Correndo por mais de 40 voltas com pneus supermacios que foram abandonados após 20 giros pelos outros pilotos, o australiano Mark Webber venceu o GP da Hungria, neste domingo (1º), em Hungaroring, e assumiu a liderança do Mundial de Pilotos.

Confira a classificação final do GP da Hungria:
1.º - Mark Webber (AUS/Red Bull), 1h41min05s571
2.º - Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 17s821
3.º - Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 19s252
4.º - Felipe Massa (BRA/Ferrari), 27s474
5.º - Vitaly Petrov (RUS/Renault), 1min13s192
6.º - Nico Huelkenberg (ALE/Williams), 1min16s723
7.º - Pedro de la Rosa (ESP/Sauber), 1 volta
8.º - Jenson Button (ING/McLaren), 1 volta
9.º - Kamui Kobayashi (JAP/Sauber), 1 volta
10.º - Rubens Barrichello (BRA/Williams), 1 volta
11.º - Michael Schumacher (ALE/Mercedes), 1 volta
12.º - Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso), 1 volta
13.º - Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India), 1 volta
14.º - Heikki Kovalainen (FIN/Lotus), 3 voltas
15.º - Jarno Trulli (ITA/Lotus), 3 voltas
16.º - Timo Glock (ALE/Virgin), 3 voltas
17.º - Bruno Senna (BRA/Hispania), 3 voltas
18.º - Lucas Di Grassi (BRA/Virgin), 4 voltas
19.º - Sakon Yamamoto (JAP/Hispania), 4 voltas

Não completaram a prova:
Robert Kubica (POL/Renault)
Lewis Hamilton (ING/McLaren)
Adrian Sutil (ALE/Force India)
Nico Rosberg (ALE/Mercedes) Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso)

As voltas finais do GP da Hungria contou com uma grande disputa entre os experientes Barrichello e Schumacher. O piloto da Williams, que caiu para 11.º após trocar os pneus, avançou sobre o heptacampeão mundial e obteve uma apertada e perigosa ultrapassagem sobre o alemão, que quase espremeu o rival no muro de proteção. A manobra ameaçadora gerou uma investigação da direção da prova. Barrichello terminou em 10.º.

A F-1 agora faz uma pausa de quatro semanas e volta apenas no dia 29, com o GP da Bélgica, em Spa-Francorchamps. Restam sete etapas para o fim da temporada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário