8 de setembro de 2010

ÍDOLOS 2010 - 15

Nesta terça-feira (7), os quatro candidatos a ídolo presentearam o público com músicas da bossa nova e as canções dos antigos Festivais de Música Popular Brasileira.

Nise Palhares foi a primeira a cantar Roda Viva de Chico Buarque de Holanda, em seguida Chay Suede cantou Alegria, Alegria de Caetano Veloso.

A dupla formou um dueto cantando Chega de Saudade, de Tom Jobim e Vinícius. Soltos no palco, os dois não pecaram em qualquer momento e arriscaram até mesmo um selinho no final da canção – para delírio de quem estava assistindo ao programa.

Tom cantou Fio Maravilha, em uma performance que – nas declarações dos próprios jurados do programa – não mostrou todo o potencial do cantor. O baiano de 24 anos costuma se sair melhor em músicas românticas, mais suaves.

Em compensação, Israel Lucero recebeu elogios do júri ao cantar Disparada, de Geraldo Vandré.

Mas, na volta dos dois, eles interpretaram juntos Wave, de Tom Jobim. A música não valorizou o timbre de nenhum dos dois, tampouco a energia que eles costumam demonstrar em cena.

Depois da apresentação e dos comentários dos jurados, os participantes ficarão à espera do veredito do público. Até esta quinta (9), os telespectadores do programa votam em seus preferidos. Quem receber o menor número de votos será eliminado.

Ídolos é exibido as terças e quintas-feiras, na Record, sempre às 23h15.

Nenhum comentário:

Postar um comentário