3 de setembro de 2010

PILOTO MORRE 24 ANOS APÓS ACIDENTE

O Rali Dakar, como todo mundo sabe, carrega a trágica alcunha de “Rali da Morte”. O mais surpreendente é saber que um dos pilotos que se acidentou ao longo de uma edição do evento, ainda disputada na África, estava em coma há 24 anos!

O piloto em questão era o francês Jean-Michel Baron, que dividia o time oficial da Honda em 1986 com feras como Cyril Neveu, campeão do Rali entre os motociclistas e Gilles Lalay, que terminou em segundo a bordo do monstrengo NXR 750V.

Jean-Michel Baron

Baron tinha 31 anos quando sofreu a queda no Rali Paris-Dakar de 1986, mais precisamente enquanto atravessava o Níger. Nesta quinta-feira (02), Jean-Michel morreu em sua casa, na região de Fontaine-Chalendray, na França.

A informação foi divulgada pela mulher do piloto, que estava com 56 anos e ficou tetraplégico com o acidente. Ele ficou vários meses internado, mas depois, a pedido da mulher, foi levado para casa, onde vivia em estado vegetativo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário