28 de maio de 2011

COPA 2014 - 03


O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, ameaçou excluir São Paulo da Copa do Mundo "em breve" se persistirem as indefinições em relação à construção do Itaquerão nos próximos meses.

Maquete do Itaquerão
Na Suíça, o dirigente não escondeu o descontentamento com a demora para o início da construção da arena corintiana e admitiu que a cidade mais rica do país corre o risco de perder a competição "nos próximos meses". Ele disse que sem estádio uma cidade não pode abrigar a Copa. Orçado em cerca de R$ 1 bilhão, o Itaquerão não saiu do papel ainda.

Apesar do tom de ameaça por causa da lentidão no início das obras, o dirigente abriu exceção para o estádio de São Paulo. Admitiu que o Itaquerão poderia ficar pronto até março de 2014. As outras arenas terão que ser entregues até dezembro de 2013.

Os dirigentes do Parque São Jorge estimam a conclusão do estádio em, no máximo, 31 meses. Se a obra começar no próximo mês, o Itaquerão será entregue em janeiro de 2014. O Timão diz que começa as obras na segunda-feira.

Palco da abertura e da decisão da Copa do Mundo de 2010, o Soccer City também demorou a ser concluído.

A próxima reunião dos executivos da Fifa sobre o Mundial de 2014 será em julho, no Rio. A participação de São Paulo no Mundial será um dos assuntos principais.

O Sport Club Corinthians Paulista e a empreiteira Odebrecht divulgaram um comunicado ontem à tarde para informar que os primeiros passos para as obras no terreno de Itaquera vão começar na próxima segunda-feira (30). Será iniciado o processo de terraplanagem no local.

A previsão dada para a conclusão do processo de terraplanagem, segundo os engenheiros da Odebrecht, é de cerca de três meses.

Nenhum comentário:

Postar um comentário