21 de julho de 2011

CIELO É LIBERADO

Saiu na manhã desta quinta-feira (21), em uma sessão especial da CAS em Xangai, o veredicto que liberou Cesar Cielo e seus três companheiros - Henrique Barbosa, Nicholas Santos e Vinicius Waked, após terem sido flagrados no exame antidoping com o diurético furosemida em seus organismos.

Após 20 dias de polêmica, a CAS (Corte Arbitral do Esporte), ratificou a decisão da CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos) de apenas advertir os nadadores.

Assim, Cesar Cielo está liberado para competir no Mundial de Esportes Aquáticos na China. A competição terá início no próximo domingo, e Cielo nada já no primeiro dia, quando acontece o revezamento 4x100m livre, em que o Brasil está inscrito para participar. Em caso de punição superior a dois meses, ele estaria fora do Mundial.

Nicholas, Henrique e Vinícius devem retornar ao Brasil, já que foram a Xangai apenas para poder depor pessoalmente no julgamento. Os dois primeiros tiveram seus índices para o Mundial de Esportes Aquáticos cancelados, já que foram obtidos no Troféu Maria Lenk, justamente o campeonato em que os quatro nadadores foram flagrados no exame antidoping. Marcos Macedo e Tales Cerdeira foram convocados para os seus lugares.

Cielo e seus companheiros foram defendidos pelo americano Howard Jacobs, advogado de inúmeros atletas com casos semelhantes ao dos brasileiros, e que possui uma quantidade considerável de diminuição das penas de seus clientes.

A CAS considerou plausível a explicação dos brasileiros, que comprovaram que o suplemento tomado antes do Troféu Maria Lenk, e manipulado na farmácia Anna Terra, em Santa Bárbara D'Oeste (SP), sofreu uma contaminação. Assim, os quatro nadadores ingeriram a substância de forma involuntária e não teriam o porquê serem punidos.

FOI FEITO JUSTIÇA!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário