6 de setembro de 2011

MAGUILA COM ALZHEIMER

O ex-campeão mundial de boxe, Adílson Maguila Rodrigues, de 53 anos, admitiu sofrer de Mal de Alzheimer. A doença foi diagnosticada há dois anos por um médico amigo da família.

"Fiz exames no Hospital das Clínicas e o médico disse que eu tenho Alzheimer e diabetes. Mas eu acho que é mentira porque isso causa esquecimento e eu não esqueço de nada", diz Maguila, aparentando tranquilidade.

Apesar do alerta, o ex-campeão resiste em seguir um tratamento. "O médico me passou remédio, mas eu disse para rasgar tudo. Já estou com 53 anos e não sinto nada. Não desafio nada, mas, se sentir algo, vou me cuidar. Você vai tocando o barco até quando Deus quiser."

Alzheimer é uma doença degenerativa que atinge, principalmente, pessoas acima dos 65 anos. No início, a doença se manifesta pela perda gradativa de memória e pela dificuldade de se localizar em espaços estranhos. No auge da evolução, o paciente chega a ter dependência física, devido à destruição de comandos cerebrais e não reconhece nem ele próprio.

Atualmente, há um milhão de portadores da doença no Brasil e 40 milhões em todo o mundo. Segundo os especialistas, sua causa envolve fatores ambientais e de hereditariedade. Não tem ligação, portanto, com os fortes socos que um pugilista recebe na cabeça ao longo da carreira.

Quando morreu, a mãe de Maguila, Jolinda Rodrigues dos Santos, apresentava sinais da doença.

Pai de três filhos e avô de oito netos, ele fala com empolgação da rotina de palestrante em eventos. "Minha vida já é uma palestra porque você não pode baixar a guarda. Tem de estar sempre com ela fechada porque, se baixar, é porrada de todo lado."

PELO VISTO ELE NÃO PERDEU SEU JEITO BONACHÃO E DESPACHADO!

MAS, SE CUIDA CAMPEÃO!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário