12 de setembro de 2011

MOTO SÓ COM UMA RODA

Se você acha difícil pedalar um monociclo, vai ficar espantado com o lançamento da Ryno Motors! Pegando carona no monociclo a empresa norte-americana lançou o projeto de uma moto elétrica compacta de uma roda só.

O certo é que, ao olhar para a Ryno, a primeira impressão seja a de uma moto cortada ao meio, parecendo que está faltando algo. Depois de alguns segundos de observação, chega-se à conclusão de que ela não é tão estranha a ponto de não merecer a atenção de quem gosta de termos como sustentabilidade e custo-benefício, mas principalmente dos que precisam de um meio prático e não poluente de locomoção.

Segundo seu inventor, Chris Hoffman, a ideia não é dele, mas de sua filha de, Lauren (13), que viu algo parecido enquanto jogava videogame e disse “pai, olhe! Você pode construir um?”. Os primeiros desenhos datam de 2006 e vêm se desenvolvendo desde então.

Obviamente, uma motocicleta de uma roda só não tem como permanecer em pé, certo? Errado! O criador garante que é impossível cair, pois há um sistema automático de equilíbrio, guiado por um chip que “sabe” onde está o centro da Terra e compensa automaticamente qualquer variação no eixo do veículo – seja para os lados, para frente ou para trás -, fazendo com que o piloto permaneça sempre perpendicular ao solo.

Três modelos, para três tipos diferentes de aplicação, foram planejados. O primeiro é destinado ao dia-a-dia; outro foi desenhado especificamente para empresas, e o terceiro é o esportivo. A velocidade máxima é de aproximadamente 40km/h, o que é bastante para um veículo projetado para rodar curtas distâncias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário