26 de novembro de 2011

AMIGO DO REI

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, será o homem forte da seleção brasileira. Em um encontro de dez minutos com Ricardo Teixeira, no Rio, Andrés aceitou ser o diretor de seleções, nesta sexta-feira (25) e se cacifou à sucessão na CBF.

"O presidente da CBF me ligou ontem [quinta-feira] pedindo para estar lá hoje [sexta]. Não sabia do que se tratava, achei que era uma visita do pessoal da Fifa ao estádio de Itaquera. Quando cheguei, fui surpreendido. Não tinha como recusar o convite de um amigo e virar as costas para a seleção", explicou Andrés.

A conquista da inédita medalha de ouro olímpica em Londres-2012 é a primeira missão do cartola corintiano, segundo o seu novo patrão.

Andrés, que deixará o Corinthians no dia 15, vai definir a programação, contratar treinadores e coordenar as nove equipes administradas pela CBF até a Copa América de 2015. A competição será a última de Teixeira, que comanda a CBF há 22 anos. 
"Ele vai ficar aqui até o final do meu mandato. Essa é a nossa intenção", afirmou Teixeira, que tenta viabilizar sua candidatura à presidência da Fifa em 2015.

Andrés é um dos maiores aliados de Teixeira. Ele foi um dos articuladores do movimento que implodiu o Clube dos 13 e conseguiu, com a ajuda da CBF, viabilizar a construção do Fielzão, palco da abertura da Copa-2014.

Pelo acordo, Andrés será remunerado e receberá cerca de R$ 50 mil mensais. No ano passado, o presidente do Corinthians foi chefe de delegação da seleção no Mundial da África do Sul. O dirigente disse que nunca tinha sonhado em ocupar o cargo, que já foi de Eurico Miranda, e considera a nova missão uma responsabilidade ainda maior do que a de comandar o Corinthians. 
MELHOR QUE SER REI, É SER AMIGO DELE!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário