19 de novembro de 2011

FUMAÇA CURA ESTRESSE

De acordo com estudo realizado na Universidade de Tel Aviv, pequenas quantidades de monóxido de carbono ajudam a aliviar o estresse. Portanto, os gases liberados pelo escapamento dos veículos não traz só malefícios para a população.


O líder do estudo, Itzhak Schnell, descobriu que baixos níveis do gás tinha um efeito "narcótico" em moradores de grandes centros urbanos. Entretanto ficar em contato com grandes níveis desse gás incolor e sem cheiro não é recomendado, pois ele pode matar.

Schneel e sua equipe monitoraram por dois dias, em todas as estações do ano, com micro-sensores 36 estudantes jovens e saudáveis que andavam por Tel Aviv. Os cientistas queriam descobrir de que forma os fatores como poluição sonora, poluição de ar, multidões e o tempo, afetam o estresse das pessoas.

Os pesquisadores esperavam que os participantes inalassem mais monóxido de carbono do que era previsto. Os estudantes que entraram em contato com poucas concentrações de gás, ficavam mais estressados com o barulho e multidões. Assim os cientistas acreditam que a inalação do poluente em poucas quantidades ajuda a diminuir o estresse.

A pesquisa também identificou como maior fonte causadora de estresse a poluição sonora, especialmente vozes humanas. Os participantes também ficavam mais estressados em shopping, mercados abertos e avenidas devido à multidão.

QUER CURAR O ESTRESSE???
 
ENTÃO, VEM PRÁ SÃO PAULO!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário