23 de novembro de 2011

MOTO SEM GARUPA



Os deputados estaduais de São Paulo aprovaram na noite desta terça-feira (22) projeto de lei que proíbe garupas em motocicletas nos dias úteis. A regra, que ainda precisa ser sancionada pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) para começar a valer, seria adotada apenas nas cidades do Estado com mais de um milhão de habitantes.


A proposta, de autoria do deputado Jooji Hato (PMDB), também exige a fixação do número da placa da moto no capacete e em coletes. Os caracteres devem ser legíveis e em cor fluorescente para que sejam identificáveis, inclusive à noite.

Jooji Hato
A multa prevista para quem não cumprir as determinações é de R$ 130, para cada item que não for respeitado. A fiscalização ficará a cargo dos órgãos municipais e estaduais de trânsito.

Segundo Jooji Hato, os objetivos da proposta são diminuir os acidentes e combater o crime. “A maior parte dos crimes e assaltos no trânsito são feitos por garupas”, disse o deputado. Dados do Decap (Departamento de Polícia da Capital) revelam que motoqueiros estão envolvidos em 61,5% dos crimes contra o patrimônio.

Para o deputado, se aprovada pelo governador, a lei também vai beneficiar a polícia que não precisará mais abordar tantos motociclistas suspeitos. Na justificativa do projeto, o parlamentar afirma que a iniciativa também colaborará com a redução de acidentes.


A quantidade de motociclistas mortos no trânsito de São Paulo aumentou 11,7% em 2010. O número de vítimas passou de 429, em 2009, para 478, em 2010. O governador Geraldo Alckmin terá prazo de 60 dias para sancionar ou vetar o projeto.

Jooji Hato, que diz ser Motociclista, certamente não conhece a realidade dos grandes centros urbanos. Ele acha que as motocicletas só tem 2 usos: Ou por motoboys, que sempre andam sozinhos, ou por motociclistas de fim de semana, que não raramente estão com garupa. Se esquece do fato que a moto é um veículo de 2 lugares, e que portanto, pode ser usado com duas pessoas em qualquer dia da semana.

Muita gente vai e volta do trabalho de moto, e dá carona a algum amigo ou parente. Muita gente sai para passear durante a semana, e vai com a esposa, namorada, filhos, amigos… enfim, é absurdo pensar que eu não vou mais poder sair durante a semana com alguém na garupa da moto.

E com relação a placa da moto no capacete? Eu uso 3 motos diferentes, como eu faço? Vou ter que ter 3 capacetes também? E minha garupa também vai ter que ter 3 capacetes?… Que ótimo.

POR ENQUANTO PREFIRO QUE MINHA GARUPA ANDE SEM CAPACETE.


ASSIM NENHUM GUARDA ME PARA!!!
APOSTO QUE VOCÊ NEM NOTOU QUE ELA ESTÁ SEM CAPACETE!

Um comentário:

  1. ele deveria da umas voltinhas na m boi mirim pra ve o tanto de burraco e o transito caotico, melhor do que ele fica enventando moda!

    ResponderExcluir