2 de janeiro de 2012

RALLY DAKAR - 01

Neste domingo (1º) foi dada a largada da terceira edição do Rali Dacar na América do Sul. A principal novidade é a inclusão do Peru no trajeto de quase 9.000 km que serão percorridos em 14 dias, começando na Argentina e passando pelo Chile.

No total, 472 veículos, dividido em quatro categorias assim distribuídas:
188 Motos
33 Quadriciclos
174 Carros
77 Caminhões
A primeira etapa foi entre as cidades de Mar Del Plata e Santa Rosa de La Pampa, na Argentina.
A primeira etapa do Rally Dakar foi vencida pelo chileno Francisco López entre as motos. Ele completou os 57 quilômetros que foram cronometrados entre Mar del Plata e Santa Rosa em 32 minutos e 37 segundos. O chileno foi seguido pelo espanhol Marc Coma, campeão em 2010, com o tempo de 32min51, e pelo argentino Javier Pizzolito, com 33min04. O melhor brasileiro entre as motos foi Felipe Zanol, que ficou em 26º lugar, com o tempo de 35min52.

Entre os carros, o russo Leonid Novitskiy chegou na primeira posição, em 32 min12. O polonês Krzystoff Holowczyc foi o segundo mais rápido, com 32min17, e o francês Stephane Peterhansel ficou em terceiro, com 32min21. O brasileiro Guilherme Spinelli terminou em 11º lugar, com 34min25.

Nos quadriciclos, a etapa inicial foi vencida pelo uruguaio Sergio La Fuente, em 40min13. Já o holandês Marcel van Vliet triunfou entre os caminhões, com o tempo de 37min45.

A primeira etapa do Rally Dakar teve percurso de 820 quilômetros, mas 763 não foram cronometrados. A segunda etapa da prova, que atravessa os territórios da Argentina, Chile e Peru, será disputada na segunda-feira entre as cidades de Santa Rosa e San Rafael.


Nenhum comentário:

Postar um comentário